RESENHA: Casada Até Quarta (Noivas da Semana #1) - Catherine Bybee

11 junho 2018
Casada Até Quarta (Noivas da Semana #1)
Catherine Bybee
Editora: Verus
Ano: 2017
Páginas: 196
Classificação etária*: +18 anos
Sinopse: Blake Harrison: rico, nobre, charmoso... e precisando de uma esposa até quarta-feira. Para isso, Blake recorre a Sam Elliot, que não é o homem de negócios que ele esperava. Em vez disso, ele encontra Samantha Elliot, linda e exuberante, com a voz mais sexy que ele já ouviu. Samantha Elliot: dona da agência de casamentos Alliance, ela não está no menu de pretendentes... até Blake lhe oferecer milhões de dólares por um contrato de um ano. Não há nada de indecente na proposta dele, e além disso o dinheiro vai ser muito útil para quitar as contas médicas da família dela. Samantha só precisa disfarçar a atração que sente por seu novo marido e evitar a todo custo a cama dele. Mas os beijos ardentes de Blake e seu charme inegável se provam muito difíceis de resistir. Era um contrato de casamento que previa tudo... menos se apaixonar. Agora só resta a Samantha proteger seu coração até que o contrato chegue ao fim.
 

Incrivelmente clichê. Se você mesmo após ler a sinopse de Casada Até Quarta não o considerar clichê, algo está errado. Mas, claro, já sabia de tudo isso antes de começar a ler o livro e arrisco dizer que foi por isso que finalmente li. Às vezes a gente só quer um clichê gostoso e curto entre leituras pesadas, o que aconteceu mesmo comigo quando me aventurei neste. 

Sam Elliot tem uma agência de casamentos arranjados. Basicamente, se você é um magnata e precisa de uma esposa imediatamente, mas não tem tempo de conhecer alguém, você precisa da ajuda de Sam, que tem um batalhão de mulheres disponíveis para casamento e com a ficha limpa, finas e com classe. Blake é um desses que precisa de uma esposa... até quarta feira. Porém, ao ver Sam, ele oferece a ela um contrato de milhões de dólares para ela ser a tal esposa. O probleminha é a atração evidente de Sam por Blake. 

"Um acordo - era exatamente disso que ele precisava. Um contrato. Um negócio que beneficiasse ambas as partes durante um ano. Depois, cada um poderia seguir seu caminho e nunca mais olhar um para a cara do outro"

Nenhuma novidade na premissa do livro, é verdade. A proposta me parece com a de A Garota do Calendário, em que Mia é uma acompanhante por doze meses do ano para conseguir dinheiro para pagar um agiota do pai. Dessa vez, nossa querida Sam também tá precisando da grana que o Blake oferece por ser sua esposa. Bem, ele tem seus motivos em querer uma esposa tão rápido e isso envolve negócios, herança e bastante dinheiro. Não concordo tanto com esse negócio de "comprar" uma mulher para parecer bom na fita, sabe? 

Mas como todo e qualquer romance nesse estilo, a autora soube escrever capítulos curtos e que se complementavam. Além de o livro ser beeem fino. Sério. Consegui ler ele em uma manhã enquanto esperava para ser atendida no consultório. É aquela histórinha clássica dos eróticos de "temos que ficar juntos, mas não estamos oficialmente juntos, mas estou atraído por você". Todo esse lance do casamento, por mais clichê que seja, me prendeu até o fim por ser bem levinho e divertido.

"- Estou mais ansiosa para esse casamento do que pensei que ficaria.
Seria difícil dizer a ela que sentia a mesma coisa? Mas isso faria parecer que ele não tinha tudo sob controle."

Li várias críticas negativas sobre esse livro e a série em si e concordo plenamente com a opinião das pessoas. É um livro clichê, curto, rasinho, com diálogos que você pode imaginar que pode acontecer. Mas às vezes é de um livro assim que a gente precisa pra se distrair, rir de algumas besteiras e tudo o mais. Sem comprometimento em ler tudo, a gente lê pra se sentir bem e porque ler é gostoso. Um livro de fácil digestão é tão bonzinho 😊

*Conteúdo sexual

10 comentários

  1. Olá!
    Essa série é meu amorzinho, sério, ela só melhora com o passar dos livros!
    Amo livros curtinhos assim <3.

    Beijão
    Leitora Cretina

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro clichês <3 Só não sei se essa história de comprar mulher ia me agradar muito, fico meio irritada com esse pessoal que apela pra esses outros meios duvidosos de se conseguir uma companhia... mas curto intercalar esses livros mais leves pra descontrair, ainda mais se for curtinho x)

    Boa semana!
    tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHHAHAHA eu também acho meio errado, mas é divertido ler e por isso que dei uma chance a esse haha

      Excluir
  3. Oi Clarissa, tudo bem? Até hoje só li opiniões positivas sobre essa série toda e, quase todas as vezes, vinham acompanhada da informação de ser bem clichê. Não tenho problema com livros clichês, adoro eles, aliás, mas não sempre, por isso deixei a dica anotada para um momento oportuno, senão temo não gostar da história. Gostei de saber que o livro é "fininho"... acho que livros tão clichês e que não tem muitas outras pretensões não devem ser muito extensos mesmo, correndo o risco de ficar cansativos e enjoar. Adorei a resenha.

    Beijos
    http://espiraldelivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também adoro clichês bem construídos! Esse é sim curtinho e aí você lê em uma sentada só hahha

      Excluir
  4. Oi Clarissa, tudo bem? Particularmente adorei essa série. É clichê mesmo, mas acho que cumpre bem com a proposta da autora!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Issooo, quero ver se os próximos vão continuar assim também haha

      Excluir
  5. Oi Clarissa,
    Ainda não consegui ler essa série. Acho que a série dos meses estragou um pouco, mas já ouvi muitos elogios sobre as noivas da semana então voltei a me animar.
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A dos meses eu acompanho mais pra relaxar depois de uma leitura pesada, essa também ajuda super

      Excluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!

por aqui...

algumas parcerias e informações