Clarissa Assis

19 primaveras, leonina e persistente. Estuda Comunicação Social, é apaixonada por livros, música, séries e culturas. Não gostava de chá, mas agora seu passatempo favorito é ler um bom livro tomando uma xícara de chá fumegante e meias fofinhas nos pés.

@proximaprimavera

As 8 melhores audições do The X Factor (UK) 2016

Eu sou uma viciada em audições de qualquer reality show musical que exista. Posso passar horas e horas vendo pessoas desconhecidas subirem em um palco e cantarem para realizar seus sonhos. Algumas me fazem rir, outras me deixam chocada e outras podem até me fazer chorar e hoje eu reso…

A Girl Like Her e o Setembro Amarelo

Hoje vim aqui com o intuito de fazer não apenas uma resenha sobre um filme porque por mais que eu tenha dito o quão bom ele é, as pessoas parecem não se animar quando eu falo que ele não é de ficção ou de romance e sim de vida real. Portanto quero fazer um resumão do filme (sem dar spoil…

Primavera de flores e amores

Não há nada mais revigorante que a mudança de estações. Cada uma tem sua singularidade e algo que nos faça esperar sua chegada. Com o verão queremos o calor, o Sol que dói nos olhos, o cheiro de mar, a sensação de protetor solar na pele e as roupas mais leves possíveis. Já no inverno, e…

Como aprender inglês sozinho (a) ? - Parte I (Básico - Músicas)



         Desde que comecei o blog tenho essa brilhante (ou não) ideia de compartilhar como eu aprendi inglês sozinha. Reconheço que é complicado tanto a parte da gramática como a pronúncia e aprender sozinha parece ser um desafio que você leva anos para conseguir realizar. Eu sempre tive muita vontade de aprender inglês e minha lembrança mais antiga é a 1ª série. Eu só tinha 7 anos e amava meu professor de inglês e a matéria. E olha que eu só aprendia os animais e as cores. Mas sempre foi fascinante pra mim saber que existem centenas de outras línguas que milhares de pessoas falam por aí com a mesma naturalidade que nós falamos o português. Quando fiz uns 10 anos, implorei para ser matriculada em um curso de inglês, mas como é um pouco caro fazer cursos de língua, na época meus pais não aceitaram. Isso não me impediu coisa nenhuma. Foi nessa época que começou aquela febre de ouvir cantores internacionais como Justin Bieber, Demi Lovato, Miley Cyrus, Jonas Brothers, por aí. E eu era muito viciada em música e claro que eu não entendia nada que escutava e gostaria de entender. Foi aí que eu aos 11 anos tive a brilhante ideia de tentar aprender sozinha. Mas eu não cheguei e pensei "vamos aprender sozinha". Foi tão natural que eu só fui perceber que eu realmente havia aprendido MUITO quando passei pra um nível meio que avançado no curso de inglês em 2014 quando convenci meus pais do que queria. Eu consegui aprender mais do que o básico em 4 anos. Muito? Bem, quando se está sozinha é pouco. Bem, resolvi que iria fazer uma série aqui no blog de como aprender inglês sozinha e não sou profissional nem nada e nem uma gênia do inglês ainda, mas eu resolvi que vale a pena compartilhar bem direitinho como eu fiz e provar que dá sim pra aprender sozinha e economizar uma grana preta em muitos anos de curso de inglês. Bem mais fácil dar uma desenrolada a sós e depois entrar no curso já sabendo muito até porque pensa comigo, você vai terminar o curso mais rápido pulando de nível já que vai tá sabendo muito. Aconteceu comigo e esses posts no blog não vão ser hipócritas com coisas pesadas e impossíveis de fazer ou até coisas que não funcionem. Funcionou comigo e só não vai funcionar com você se você não se esforçar um pouquinho; Vamos lá?


Como vão ser esses posts?

Toda semana vai ter um post da série e eu acho que vou deixar permanente no Sábado. Não sei quantos vai ser já que não faço a mínima ideia de como vou explicar tudo direitinho aqui pra vocês. Vou escrever quantos forem necessários. Vou fazer que nem o ORGblog da Sernaiotto que ensinava como melhorar seu blog só que com o inglês. Achei legal o método dela de fazer que nem uma aula mesmo com atividades e experiências pra você fazer passo a passo.

Não custa nada tirar uma horinha do seu dia e seguir um pouco as dicas que eu der. Vai ser só um post por semana e se você tiver um tempinho de sobra todos os dias para treinar o que eu ensinei no post vai ser beeem mais fácil. Lembrem-se que uma língua estrangeira só vai acrescentar na nossa vida e nem é extremamente necessário que você seja fluente no final das contas. Acho que se eu não tivesse terminando o curso de inglês e tivesse ficado só com o que eu aprendi sozinha dava pra me virar; Claro que é uma bagagem muito boa ter um curso de inglês no currículo.


Vamos começar....

Lembro que uma das primeiras coisas que eu fiz para aprender inglês foi ouvir música. Muitas pessoas usam essa dica de ah escute músicas em inglês. Só ouvir não funciona. Você tem que saber ouvir! Depois de anos e anos com esse método posso dizer que eu tentei de tudo mesmo para encontrar um jeito melhor e eu consegui. Ainda hoje mesmo entendendo 90% das músicas que eu escuto ainda tenho esse costume de fazer o que eu trago hoje no primeiro post da série Como aprender inglês sozinho (a). Não é apenas uma dica e sim uma sequência. Foi a mais confortável pra mim e você pode adaptá-la ainda mais se preferir.

Comece com uma música.

Ah, mas é qualquer música? Não! Eu tinha esse desejo de pegar qualquer música e tentar fazer esse método e não funcionava nadinha. Eu perdi muito tempo tentando e só depois que fui perceber que devemos começar do 0 se queremos chegar no 10. Naquela época eu já sabia o básico do básico do inglês que se aprende na escola e eu era 5ª série então não muita coisa apesar de meu professor ser o mesmo agora mesmo eu sendo 3º EM.

Então qual tipo de música você deve escolher?

Para escrever esse post eu revirei toda a minha bagunça para encontrar meus antigos pen drives de 2010 com músicas que são muito antigas mas foram algumas delas que serviram pra mim e servem até hoje. Vamos começar com uma música calma e que dá pra acompanhar a letra direitinho com a música.


Lista: 101 coisas em 1001 dias

Resolvi começar esse projeto porque sempre tive uma paixão por ele já que você lista o que você deseja fazer em 1001 dias e te motiva ainda mais a conseguir. Eu por exemplo mal funciono sem metas sejam das mais simples como limpar o chão como as de vida mesmo. Então retirei todas coisa…

TAG: The Versatile Blogger Award

Resultado de imagem para the versatile blogger award

Gente, fui indicada pela Hellen do Apenas Giz a fazer a tag e eu fiquei bem feliz porque é a primeira tag que respondo no blog. Adoro ler posts de tag e desafios já que é bem divertido então fiquei louca pra postar logo haha. 

Regras:

  • Agradeça ao blogueiro que te indicou;
  • Inclua neste post um link de volta ao blog que te indicou;
  • Nomeie 15 blogueiros que você conheceu recentemente ou que siga você regularmente;
  • Avise aos blogueiros que foram indicados;
  • Compartilhe 10 fatos sobre si mesmo
  • Adicione a imagem do prêmio Versatille Blogger Award no post.

10 fatos sobre mim

  1.  Criei meu primeiro blog em 2010 e confesso que só sei muito sobre o blogger porque eu nem tinha 11 anos naquela época ainda e tive que me virar com html. Hoje amo mexer com essas coisas.
  2. Amo escrever sobre o que eu amo e ler romances dos mais clichês até os mais dramáticos e trágicos.
  3. Já fui muito tímida, mas quando fiz uns 14 anos perdi a timidez e hoje sou obrigada a calar a boca haha.
  4. Não sou muito fã de animais, mas acho todos eles muito fofinhos. Menos lagartixa. 
  5. Sou terceiranista e ainda não decidi direito o que eu quero colocar no vestibular/sisu. Tenho muuuuuuita vontade de fazer Jornalismo porque amo escrever e me apaixonei pela profissão de correspondente internacional. Só tenho certeza de que eu quero trabalhar com algo que tenha idiomas. Então também fico em dúvida entre Letras português, Línguas estrangeiras (inglês, espanhol e francês), Relações Internacionais, Turismo e Ciências Sociais. Dá pra você? hahaha
  6. Aprendi inglês sozinha dos meus 9 aos 14 anos anos porque eu amava muito e em 2014 fiz a prova de um curso de inglês e passei pro avançado. Hoje, 2 anos depois, estou quase terminando o curso. Estou aprendendo francês e italiano e pratico meu espanhol pela internet. 
  7. Sonho em viajar pelo mundo e conhecer pessoas com diferentes costumes e mais línguas claro. 
  8. Os países que eu mais quero visitar são: Áustria, França, Estados Unidos, Rússia e África.
  9. Minha frase favorita é "Spirit lead me where my trust is without borders" da música Oceans do Hillsong United. 
  10. Amo causas sociais e me sinto mal por não conseguir fazer nada que possa mudar a vida de alguém. Por isso escrevo para tentar mostrar um pouco de realidade. Vários posts aqui no blog são sobre isso e eu daria tudo pra fazer trabalho comunitário em algum país pobre. 

Pós Jonas Brothers: DNCE e Nick Jonas



              Quem aí não foi viciada em Jonas Brothers em alguma época da vida? Lembro que era uma febre enorme e ainda mais quando a Disney resolveu fazer uma série só deles. Eu ficava horas esperando começar Jonas depois da escola. Eu era bem nova e já apaixonada pela banda e mais precisamente pelo Joe Jonas. Depois de alguns anos a banda foi se desfazendo e ainda hoje escuto as músicas bem antigonas da banda e até procuro uns episódios de Jonas na internet. Mas o que ainda é possível é acompanhar os Jonas fora do JB. Cada um foi pra um lado e o que eu quero dizer é que o Nick Jonas foi pra carreira musical sozinho e o Joe Jonas também. Lembro que o Nick chegou a lançar um CD, o Nick Jonas and The Administration que confesso que até hoje não ouvi. Não fez sucesso como seria esperado de uma pessoa como o Nick. Já o Joe, lembro da música Just In Love que eu escutei tanto que enjoei, porém também não foi muito badalada na época. Hoje, o Nick e o Joe estão bombando super por aí e eu tenho certeza que se você não é viciada nas novas músicas do Nick ou na nova banda do Joe, você com certeza já ouviu e dançou ao som delas na rádio!


Resultado de imagem para jonas brothers



Uma das músicas mais famosas do Jonas Brothers, When You Look Me In The Eyes, mostra pra a gente que a banda nunca deveria ter acabado. O som deles era maravilhoso no começo da banda e mesmo Nick, Joe e Kevin serem bem novinhos, a voz deles já eram maravilhosas. Tem como não gostar dessa música? E pelo clipe dá pra ver que foi da época explosiva dos JB em que eles eram uma febre e claro que eu já era uma fã louquinha. 




Rory Gilmore Books Project (Gilmore Girls - Seasons 1-7)

Não posso negar meu amor por Gilmore Girls. Desde que passava no Boomerang e eu ainda era uma criança, eu me apaixonei um pouquinho por ela. Assisti alguns episódios soltos e gostei porém acabei esquecendo. Até resolver assistir de verdade esse ano. O vício é tão grande que em menos de 2 m…