Clarissa Assis

20 primaveras, leonina e persistente. Estuda Comunicação Social, é apaixonada por livros, música, séries e culturas. Não gostava de chá, mas agora seu passatempo favorito é ler um bom livro tomando uma xícara de chá fumegante e meias fofinhas nos pés.

@proximaprimavera

Relacionamentos, distância e destino (O sol também é uma estrela, Nicola Yoon)



O Sol também é uma estrela
Nicola Yoon
Ano: 2017
Páginas: 288
Sinopse: Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história. Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois. O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?
   Fazer essa resenha agora, depois de ter lido esse livro há bastante tempo, está sendo bem melhor do que seria caso eu tivesse escrito assim que li. Na época eu não sabia que minha vida se tornaria, mais uma vez, o tema do livro da Nicola Yoon. Saber que todos os sentimentos, descrição de personagens e a temática em si é familiar, tornou o livro tudo ainda mais especial pra mim. 

   Nesse livro conhecemos a Natasha e o Daniel, dois jovens com destinos diferentes e preocupações diferentes, mas que acabam sendo reunidos por causa de um fatídico e importante dia para os dois.  Natasha está prestes a ser deportada dos Estados Unidos com sua família e Daniel a passar por uma entrevista de admissão na universidade que seus pais, imigrantes coreanos, sonham que ele frequente. Acreditando em destino ou não, os dois sempre se encontravam, sem querer, na enorme cidade de Nova York. Um cético com o amor e o outro um romântico incurável. 

    Esse é um dos livros em que eu olho para o filme e penso que não há nada que eu possa mudar para fazer ele estar mais próximo ao livro. É simplesmente a história de Natasha e Daniel. É daqueles livros adolescentes que te fazem pensar sobre a vida, ao mesmo tempo que é leve e você lê em uma tarde, se deixarem. Nicola sempre foi uma autora que me encantou justamente por trazer essa leveza na escrita, mas O sol também é uma estrela se superou Tudo e todas as coisas e se tornou meu livro da vida, que por coincidência, eu vivi a história do casal em Nova York, mas na Cidade do México. 

     Já dá pra colocar esse livro na listinha e depois juntar na maratona o filme! Não dá pra se arrepender. 

Comentários

  1. Linda resenha já vivi um relacionamento a distância

    ResponderExcluir
  2. Esse foi um livro que me pegou completamente de surpresa, e gostei muito de ter conferido essa história tão encantadora <3

    Beijos, Fantasma Literário

    ResponderExcluir
  3. Um relacionamento à distancia é maravilhoso sabe aquelE friosinho na barriga..História incrível essa.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!