"Amar o próprio corpo é um ato revolucionário" (Pare de se odiar, Alexandra Gurgel)

21 fevereiro 2019
   Conheci a Alexandra Gurgel no Youtube por acaso pelos meus recomendados. Creio que o Youtube saiba bem que eu ando assistindo muitos vídeos de empoderamento feminino ultimamente e assim como a Jout Jout, o conteúdo da Alexandre é um que chama atenção nesse estilo. Fiquei super interessada em ler o livro que ela conta a vida dela e explica algumas temáticas que estava querendo saber!



Pare de se odiar
Alexandra Gurgel
Editora: Bestseller
Ano: 2018
Páginas:
Adicione no Skoob - Compre aqui: Saraiva  Amazon  Kindle
Sinopse: Alexandra Gurgel, criadora do canal Alexandrismos no Youtube, é conhecida por abordar em seus vídeos temas como autoaceitação, o movimento body positive, autoestima, relacionamentos e a luta contra a gordofobia. Em Pare de se odiar a autora tem como objetivo ajudar suas leitoras a trilharem o caminho do amor-próprio e o da construção de uma autoimagem mais positiva, entendendo como a sociedade em que vivemos interfere diretamente na relação que temos com o nosso corpo. Alexandra, que tem sido uma das vozes mais atuantes do movimento body positive no Brasil, traz no livro uma mensagem honesta e acolhedora, a partir de sua experiência pessoal para mostrar que amar o próprio corpo é, de fato, um dos atos mais revolucionários deste século.
 

   Em Pare de se odiar, Alexandra Gurgel abre o coração e fala de aceitação de forma geral. Acho que pelo título e pelo próprio conteúdo dela, pensei que o livro seria mais sobre aceitação em relação a ditadura de beleza mesmo, mas acabou sendo bem mais que isso. 

   Acho que os dois ou três vídeos que cheguei a ver da Alexandra (sobre feminismo!) foram interessantes justamente por eu ser interessada nos temas que ela aborda, mas o livro vai além de falar dessas coisas e torna tudo isso real quando a própria conta como tudo isso influenciou a visão distorcida que ela tinha sobre corpo ideal e nosso papel na sociedade.

  Confesso que não me identifiquei com muitas coisas no livro, acontecimentos que sei que marcaram a Alexandra, mas ainda assim aceitação, padrão de beleza e machismo é algo que tenho certeza que todas nós mulheres (pelo menos) já questionamos. Pare de se odiar me explicou não só o que esses temas realmente devem significar pra a gente, mas também a influencia positiva e negativa deles nas nossas vidas.

   Fiquei bem orgulhosa da Alexandra ter conseguido tudo o que conseguiu e ainda por cima falar disso na internet e o canal do Youtube só reforça o que li nas palavras dela no livro. É um bom livro pra quem se interessa em body positive, desconstrução de padrões e feminismo, independente se já assiste ou não a Alexandra no Youtube!

Nenhum comentário

Postar um comentário

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!

por aqui...

algumas parcerias e informações