RESENHA: Sorrisos Quebrados - Sofia Silva

22 dezembro 2017
Sorrisos Quebrados
Sofia Silva
Editora: Valentina
Ano: 2017
Páginas: 232
Adicione no Skoob - Compre aqui
Sinopse: Sorrisos Quebrados gira em torno de três personagens: a jovem Paola, a pequena Sol e seu pai, André. Os três são vítimas de violências distintas, que deixaram marcas profundas em cada um. Trata-se de uma história de superação de dores, magia, estrelas e de como importantes laços humanos podem se formar a partir da autoaceitação, da arte e da tolerância no cotidiano.
 



   Já fazia bastante tempo que eu queria ler esse livro e confesso que parte do meu desejo vem dessa capa maravilhosa. Se eu fizer um ranking das capas mais bonitas que já vi, Sorrisos Quebrados de certeza vai estar entre as melhores. Comprei no dia da Black Friday na loja física da Americanas assim que saí de uma prova importante. Como estudo em um polo (meio shopping), a Americanas é 1 minuto da minha sala e eu fui comprar comida. Acabei me deparando com esse livro com 50% de desconto e, por incrível que pareça, era pra eu comprar naquele momento mesmo pois ele custava 12,50 e eu só tinha 13,00 no bolso. Deixei de comer? Deixei, mas valeu a pena DEMAIS!

"Todo dia é um recomeço. Todo dia eu renasço. Todo dia eu me levanto. Todo dia eu não desisto. Todo dia eu vivo como se não tivesse todos os dias."

   Em Sorrisos Quebrados, Sofia Silva conta de forma muito emocionante a história de Paola, uma jovem que passava por problemas em seu casamento que acabaram levando à violência doméstica. Isso faz com que ela fique com problemas sérios psicológicos e com cicatrizes permanentes que sempre a lembrarão que sobreviveu, e isso significa uma nova chance. Na clínica onde Paola mora, ela acaba conhecendo Sol, uma criança que é extremamente amorosa, mas que passou por uns maus bocados que acabaram a transformando completamente. O amor à arte, as tintas e a superação uniu Paola e a pequena Sol que de quebra leva seu pai, André, a adentrar no mundo maravilhoso de Paola, onde as cores dão vida a cada momento de felicidade e tristeza.

   Pensei em não ler Sorrisos Quebrados quando li a primeira página. É incrível como o livro em si não dá nenhum spoiler de QUALQUER acontecimento do livro, nem mesmo o que deveria ser de conhecimento público antes de comprar o livro. Eu não sabia que era tão pesado. No prólogo, o leitor conhece Paola em sua pior versão, sendo humilhada, pisoteada e machucada de forma desumana. Não consegui chorar, não consegui sentir nada além de medo. Medo por mim, medo por quem já sofreu violência doméstica e medo por quem sofre e, assim como Paola, não tinha saída a não ser aceitar, ou seria ainda pior.


"Roberto era a prova de que os homens não são românticos apenas na literatura. Ele era meu conto de fadas. Só não imaginei que o papel dele na nossa história não seria o de príncipe, mas o pior dos vilões."

   Assim que consegui passar pelo prólogo, vi a história se desenvolver de forma triste. As consequências do trauma de Paola a impossibilitaram de viver a vida normalmente, tanto pelo psicológico quanto pelo físico. Eu já disse isso aqui no blog e repito: às vezes certas leituras vêm pra você na hora certa, como se você precisasse daquilo para passar por uma fase ruim. Não consigo acreditar quando alguém me pergunta o que vejo de tão bom em livros. Os livros te salvam, te curam e NUNCA te abandonam.


  A relação de Paola e Sol é linda. A autora soube explorar muito bem esse lado sombrio das duas e o pai de Sol, o André, só fez com que a história se transformasse em um romance carregado de lições de vida. Em certo momento do livro, sinto que a autora se perde um pouco quando parece esquecer as limitações de Paola e foca apenas no romance físico, mas isso não tira a qualidade nem muito menos o valor do livro. Sorrisos Quebrados fez com que meu coração fosse remendado, sabe? Paola é a protagonista mais corajosa e forte que eu já conheci e eu pago pau pra essa mulher. Se Sorrisos Quebrados não foi minha melhor leitura de 2017, eu nem sei. Sofia Silva, eu te venero!

"Às vezes, precisamos olhar para as pessoas com o coração e não com os olhos, pois só assim nós vemos quem realmente são."

12 comentários

  1. Ai eu quero tanto ler esse livro, estou aguardar que ele seja publicado em Portugal, está confirmado para 2018! Essa capa é tão linda, espero que a mantenham quando publicarem cá. :)

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  2. Oii Clarissa, tudo bem? todo mundo fala tão bem desse livro, amei a sua resenha, gosto de livros com protagonistas que são fortes e que passam uma mensagem de superação o que parece ser esse livro né, já quero ler ele em 2018.
    - Beijos, Carol!
    http://entrehistoriasblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ele é ótimoooo! Espero que você consiga ler em 2018!! <3

      Beijoss

      Excluir
  3. Já havia visto o título por os sites da vida, mas nunca tinha parado para ler uma resenha.
    Adorei seu ponto de vista sobre a obra, e o contexto presente na mesma. Adoro romances que possuem personagens fortes e nos ensinam tanto, através de suas vivências. Fiquei bastante interessado pelo livro.

    Até mais. https://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São maravilhosos, sempre uma carga tão boa que você pode levar pra vida, né?

      Excluir
  4. Olá, Clarissa.
    As pessoas não entendem esse nosso amor por livro que por vezes até trocamos o almoço por um livro hehe. Eu vi bastante comentários positivos sobre esse livro até agora. Mas nenhum deles foi tão apaixonado como o seu, por isso você me convenceu e vou colocar na minha lista. E essa capa é maravilhosa mesmo.

    Prefácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmmm hahaha leia mesmo!!! É realmente muito lindo <333

      Excluir
  5. Oi Clarissa, tudo bem?
    Menina esse livro é muito linda, a Valentina caprichou muito na diagramação e na capa, é uma obra de arte total. A Denise leu ele pro blog, mas não curtiu tanto a história, ela teve alguns problemas com a parte sexual, achou que não foi tratada da maneira correta...


    Att.,
    Eduarda Henker
    Queria Estar Lendo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmm, a diagramação está maravilhosa!! Ah, sério? Que pena, eu achei que foi um pouco exagerado sim, mas pra mim não tirou a qualidade da história!

      Beijos

      Excluir
  6. Vi muita divulgação deste livro na Bienal e a capa chama atenção. Infelizmente ainda não tenho o livro na minha estante, mas sua resenha despertou aquela vontade de ler.
    Bjs
    https://eternamente-princesa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que se eu tivesse visto na Bienal aqui do Recife teria comprado super. Estava desejando faz tempo e não me arrependo de ter comprado haha

      Excluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!

por aqui...

algumas parcerias e informações