4

The Kiss Of Deception
Mary E. Pearson

5

O Orfanato da Srta. Peregrine P. C. P.
Ransom Riggs

1

826 Notas de Amor Para Emma
Garth Callaghan

2

Meu Romeu
Leisa Rayven

3

Jardim de Inverno
Kristin Hannah

RESENHA: 826 Notas de Amor para Emma - Garth Callaghan

28 novembro 2017
826 Notas de Amor Para Emma
Garth Callaghan
Editora: Leya
Ano: 2014
Páginas: 320
Adicione no Skoob - Compre aqui
Sinopse: Uma história de amor comovente de um pai por uma filha. Pouco depois de Emma completar 12 anos, seu pai, Garth Callaghan, descobriu que tinha câncer de rim. Determinado a fazer do tempo que lhe restava relevante, ele compilou diversos valores para auxiliar sua filha até a formatura do Ensino Médio. Garth começou a escrever seus recados em guardanapos quando Emma ainda estava nos primeiros anos de escola. À medida que a filha foi crescendo, suas notas tornaram-se mais significativas. 826 notas de amor para Emma é um relato familiar inspirador, repleto de amor e sabedoria. No início de cada capítulo, Garth apresenta um dos recados de guardanapo para, em seguida, compartilhar uma história ligada àquela mensagem e à sua própria vida. Com olhar sensível e sábio, Garth consegue confortar os corações e tocar as almas dos leitores.
 

      Ganhei esse livro de aniversário nos meus 18 anos esse ano da minha mãe. Esse e mais outro, na verdade, mas esse eu já desejava e resolvi ler primeiro com certo atraso de 3 meses. Acho que alguns livros são especiais de acordo com o momento que você está passando e acho que não tinha outro momento melhor que o que eu estou passando para ler as lições de vida de Garth Callaghan.

"Este livro é um chamado. Para acordar. Conectar-se. Compartilhar seus sentimentos. Faça aquele telefonema. Escreva aquele bilhete. Porque eu conheço bem a fragilidade da vida e sei o quanto é importante reservarmos um tempo para nos aproximar daqueles que amamos, enquanto ainda estamos aqui, enquanto ainda podemos."

      Nesse livro, o próprio escritor, Garth Callaghan, narra como descobriu que tinha câncer e como isso mudou sua convivência com sua esposa e sua filha Emma. É um livro autobiográfico contando sobre o processo de Garth de todos os dias deixar uma nota no guardanapo dentro da mochila da escola de Emma e o quanto isso foi importante na luta contra o câncer.

"Ser pai significa ajudá-la a tornar-se alguém que faça a diferença no mundo. Esse era o meu pequeno jeito de moldar seu cotidiano."

      Não conhecia o projeto de Garth, mas o Napkin Notes (Notas de Guardanapo) explodiu nos Estados Unidos anos atrás e o escritor do livro e a filha Emma foram parar na TV e em jornais pela coragem e pelo modo diferente do pai contar para a filha que sempre vai estar com ela, não importa onde a doença o leve. O livro é dividido entre conselhos para Emma e como Garth descobriu o câncer e momentos importantes que o fizeram valorizar a vida. 



"Não queria que Emma crescesse sem um pai, sem mim."

     O livro tem uma carga emocional incrível e realmente te marca de alguma forma, seja por causa da simplicidade das ações de Garth ter significado tanto, mas também por mostrar como você de forma alguma deve abaixar a sua cabeça para qualquer dificuldade que acontecer na sua vida e eu realmente precisava ler algumas palavras de Garth para me inspirar ainda mais a continuar lutando contra meus pequenos problemas de saúde comparando com os dele.


     Além do conteúdo, a editora Leya simplesmente conseguiu deixar o livro ainda mais especial com uma edição linda e toda trabalhada nas cores. A capa do livro é muito realística e realmente parece um guardanapo e as páginas são divididas de acordo com a separação de Garth entre relatos de sua vida (páginas brancas) e lições para Emma (páginas azuis). Acho que a diagramação consegue fazer um livro especial ser de fato especial e a leitura fluiu muito mais dessa forma. Só me pergunto o porquê de terem mudado o nome do livro de 826 Notas de Amor Para Minha Filha Emma para 826 Notas de Amor Para Emma! Seria pelo tamanho ou para chamar atenção? Pessoas comprariam mais se não vissem a palavra "filha" no título? Deu essa impressão, mas não mudou meu desejo de ler o livro muito antes de ganhar de aniversário. Acho que todos deveriam tirar um tempo para conhecer a história de Garth e Emma e se inspirarem também!

"Rapidamente estimei quantas mensagens (no guardanapo) eram necessárias para durar até a formatura e cheguei a escrever assim que cheguei em casa: 826. 826 bilhetes para escrever e conseguir manter a promessa para minha filha."
  1. Não conhecia o livro, mas já tinha ouvido falar na história, fiquei com vontade de ler! Acho que tiraram o "filha" porque daí já instiga a pessoa a pensar se é uma história de amor romântico, porque a Emma pode ser mulher dele, pode ser filha dele, mãe dele... sei lá. Eu particularmente gosto mais quando segue a tradução mais próxima do título original x) Vou por no meu Skoob!

    Beijinhos
    tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito emocionante!E sim, também acho isso em relação ao titulo do livro e queria que tivessem mantido o nome original também :/

      Beijoss

      Excluir
  2. Seu blog é lindo, suas resenhas maravilhosas! Parabéns pelo seu trabalho. Arrasou!
    Estou te seguindo
    Mil beijos

    ResponderExcluir
  3. Ainda não conhecia essa história. O livro me pareceu ser bem interessante, li o que você escreveu e me despertou interesse. Caso um dia eu leia será pela sua indicação! Seu blog é lindo.

    https://unacaravela.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que um dia você leia mesmo, pois é muito bom! Obrigada!!

      Excluir
  4. Oi, Clarissa!
    Eu conhecia a história dele, mas não sabia que tinha virado um livro.
    Faz um bom tempo que não leio nada que tenha uma carga emocional mais pesada e acredito que gostaria de ler esse. Já está na minha wishlist! <3
    Beijinhos,

    Galáxia dos Desejos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Virou sim e um livro lindo demais!! Espero que goste também :))

      Beijoss

      Excluir
  5. Oi Clarissa, tudo bem? Geralmente não leio muito sick-lit, mas gostei que a trama mostra a questão da batalha do protagonista, isso me chama atenção! E a capa é bonita mesmo!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas ele nem é sick-lit. É autobiografico mesmo e acho que por isso que eu gostei tanto haha

      Beijos :*

      Excluir
  6. Oi, Clarissa!
    Menina, essa edição está fofa mesmo.
    Não sou muito de livros autobiográficos, mas estou tentada a dar uma chance a esse. Parece ser bem fácil de ler, apesar da carga emocional.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe das promoções em andamento e ganhe prêmios maravilhosos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim. Eu também não sou muito fã, mas gosto que eles inspiram bastante mesmo!

      Beijão!

      Excluir
  7. Não conhecia o livro, mas edição parece estar muito bonita, essa capa é linda de mais! <3

    MRS. MARGOT

    ResponderExcluir
  8. Ainda não conhecia, amei a resenha, dica anotada :D

    http://submersa-em-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi!! Esse livro esta nos meus desejados,achei a capa linda e a história parece ser bem emocionante. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É simmmm, é tão bonito quanto a capa!

      Beijosss

      Excluir
  10. Oi, Clarissa.
    Eu já ouvi falar desse livro e acho muito interessante esse tipo de premissa, acho que seria legal aprender melhor quando se convive com o câncer ao invés de só ver ele como uma coisa muito ruim, sabe? Eu com certeza iria ler a obra, só não sei quando.
    Beijos
    http://www.leitoraencantada.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim sim, é bem assim que o autor quer mostrar e eu acho isso importante pra a gente dar valor a nossas vidas!

      Beijos

      Excluir
  11. Oi Clarissa,
    Sempre via o livro por aí, te falar que pela capa até pensava que fosse da Galera Record. Nem imaginava o quanto dessa lição que ele passa. Amei demais a ideia do projeto e espero lê-lo em breve.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  12. Oi Clarissa!
    Não conhecia o livro nem a história do autor ainda. Com certeza é um livro muito emocionante, eu ia me acabar de chorar.

    Beijos,
    Sora | Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  13. Oi
    não conhecia esse livro, mas parece ser uma bela leitura, emocionante e envolvente.
    que bom que gostou de ler ele.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Que história linda! Não conhecia esse livro mas quero desesperadamente ler ele, parece ser emocionante e com uma história incrível! Ótima resenha!

    http://www.leitorasvorazes.com.br/

    ResponderExcluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!