2

After
Anna Todd

3

O Visconde Que Me Amava
Julia Quinn

4

Novembro, 9
Colleen Hoover

5

Meu Deus, Mas Que Cidade Linda
Rodolfo Melo

1

Olhos Vendados
Faye Kellerman

RESENHA: Alguém Como Você - Taynara Lima

20 junho 2017
Alguém Como Você
Taynara Lima
Editora: Independente
Ano: 2017
Páginas: 290
Adicione no Skoob - Compre aqui
Sinopse: Jesse Blake é Jornalista, formado pela British Columbia University, uma das universidades mais respeitadas e prestigiadas do Canadá. Antigo aluno da faculdade, depois de passar pelos mais respeitados jornais do país, ele resolve realizar um antigo sonho: dar aulas. Nathalí Lavinski é brasileira e juntou dois sonhos e realizou de uma vez. De uma família humilde, ela trabalhou e estudou muito para conquistar a bolsa de estudos na British Columbia University e conseguir cursar Jornalismo. Mas o senhor Blake é uma pedra no sapato de Nathalí, as aulas de Jornalismo Investigativo são as piores possíveis. Durante uma das aulas, Blake faz um convite inesperado e chama Nathalí para ser sua assistente. Um escândalo envolvendo estupros em uma Universidade vizinha é o estopim para que eles comecem a investigar. Mas a pergunta que não quer calar é: será que esses dois conseguem trabalhar juntos?


O que falar de um dos meus livros favoritos? Sim, eu meio que já tinha noção de que eu iria me apaixonar pelo livro por ser com jornalistas, maaaas eu me impressionei mesmo assim e chorei também! Esse é aquele tipo de livro que assim como A Menina dos Olhos Molhados da Marina Carvalho (resenha aqui), me fez ter certeza de que estou no curso certo e que quero um romance desses também hhaha. 

Em Alguém Como Você, conhecemos Nathalí Lavinski, uma brasileira que foi realizar o sonho de cursar Jornalismo lá no Canadá. Ela é confiante e não desiste dos desafios que a vida coloca na frente dela não. Um desses desafios foi com certeza cair na classe de Jesse Blake, um professor novo porém tão carrancudo quanto um velho. Foi aí que ela começou a se interessar de verdade pela matéria que ele ensina, o Jornalismo Investigativo. Nath se aproxima cada vez mais de Jess quando o professor pede a ajuda dela para tentar desvendar um caso de estupro envolvendo ama Universidade. 

"E o diabo era Jesse Blake, professor de Jornalismo Investigativo. O sr. Blake tinha fama de rígido, aquele tipo de professor que todos temem, mas também odeiam."

"A matéria era fascinante, os conceitos, os artigos... não demorou até que eu estivesse interessada demais. Passei horas lendo. Estava mergulhada em um artigo que falava sobre o que podemos extrair de uma fonte, quando a voz do Sr. Blake me fez dar um pulo na cadeira, voltando à realidade."

Chocante, viciante. e apaixonante. A cada página eu ficava cada vez mais ansiosa pelo desfecho e pelo que aconteceria com Nath e seus amigos por causa de todo o suspense envolvido na trama. É tudo bem interligado e assim que ela se mete no caso dos estupros da Universidade, vai tudo se encaixando de uma forma absurdamente louca de maravilhosa e eu cheguei a parar pra pensar no quanto o Jornalismo é maravilhoso. Nath se envolveu com estudantes, professores e funcionários da Universidade em que acontecia o crime e a cada etapa da investigação eu acompanhava fazendo minhas apostas e anotações mentais.

"Jesse Blake era um homem lindo, um jornalista exemplar, prestigiado, um ótimo professor. Ele podia ter a mulher que quisesse, mas a única que ele quis não aceitou seu pedido. Seria a vida tão injusta? Ou justa? Eu não sabia responder."

O romance então? Não foi rápido e nem muito menos clichê. A Taynara Lima fez com que o maior clichê professor + aluna fosse totalmente diferente do que costumamos ler e ao mesmo tempo tão parecido. É meio difícil de explicar, mas me apaixonei por (quase) todos os personagens e o final foi simplesmente WOW. Minha boca é um túmulo, mas é lendo mais e mais da nossa literatura nacional que é impossível entender as pessoas que não leem livros brasileiros simplesmente por serem brasileiros. A qualidade da escrita daqui é tão maravilhosa quanto a de fora ou até melhor em alguns casos. Taynara me surpreendeu não só com sua história incrivelmente bem construída, mas com a capacidade de escrever um romance que tenha um conteúdo magnífico por trás do amor. Eu daria mil estrelas se pudesse!

  1. Oi, Clarissa!
    Eu tenho trauma de clichês professor+aluna por causa de Pretty Little Liars. Mas se você disse que ela conseguiu fazer diferente, eu acredito.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Sorteio Três Anos do blog A Colecionadora de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHHAHAHA mas nem é parecido viu? E tem shipper melhor que Ezria???
      Beijãoo

      Excluir
  2. Oi Clarissa,

    Temos livros excelentes nacionais, o pessoal deveria tirar um pouco de preconceito que tem.
    Gostei muito da premissa, vou por na lista de leituras futuras.
    Bjs e uma ótima noite!
    Diário dos Livros
    Siga o Instagram

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente! Tem que valorizar o que é daqui também hahahha

      Beijosss

      Excluir
  3. Oi Clarissa. Muito obrigada pelo carinho e fico SUPER feliz em saber que você leu e gostou. Já imagino a sua cara lendo o livro 2. HAHA

    Ele vai chegar já já.

    Beijooos;**

    Tay

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAAAAA socorro, prevejo choros e desesperos lendo o 2. To bem ansiosa, Taynara!!

      Beijãoooo

      Excluir
  4. Olááááá!
    Menina, tu é a rainha das resenhas! hahaha Que tope que tu já leu tanto livro massa esse ano! Favoritar um livro é uma sensação que todos deveriam experimentar na vida!
    E tu tá lendo um bocado de coisa nessa vibe, né? Com jornalistas e tal. Um romance entre professor e aluno só li uma vez, quando era bem mais nova. Pra você eu conto do Moacyr Scliar! Também nacional, mas um pouco mais antigo que esse ai hahaha Tentei ler Sr. Daniels no início do ano, mas não deu muito certo não.
    Beijosss
    seessemundofossemeu.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAHAHHAHAHAH sou rainha é? mulher, eu só faço ler e escrever nessa vida!
      ADOROOO LIVROS COM JORNALISTASSSSS PQ QUERO SOCORRO
      Quero muito ler Sr. Danielsss

      Beijinhos

      Excluir
  5. Oii Clarissa, tudo bem?
    Me encantou sua resenha, pois realmente existe um clichê nesse contexto, mas eu confio totalmente em você e acredito quando diz que é diferente. Já está na minha listinha de leituras. ♥
    Beijão! ♥♥♥

    http://delineandomundos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, acho que é clichê, mas foge do conceito também hahahaha
      Pode dar uma chance, vai que você também ama? <3

      Beijosss

      Excluir
  6. Oie!
    Confesso que não tenho costume de ler livros escritos por brasileiros, mas fiquei com muita vontade de ler esse por causa da sua resenha. A autora é novidade pra mim, vou dizer também que não sou a maior fã de suspense, mas esses que dão uma ansiedadezinha pra chegar no fim do livro eu adoro, estou curiosa!

    Beijinhos
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu to focando mais em ler igualmente livros daqui e de fora! Acho que é maravilhoso o que é escrito aqui mesmo. Ahhhhhh suspense... to meu tempo de suspense agora kkkkk

      Beijão, Raquel <3

      Excluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!