1

Duff
Kody Keplinger

2

Quando a Noite Cai
Carina Rissi

3

Lola e o Garoto da Casa ao Lado
Stephanie Perkins

4

(Im)Perfeição
Helena Souza

5

Os Delírios de Consumo de Becky Bloom
Sophie Kinsella

REVIEW: Racing Hearts com Jamie Dornan

26 abril 2017
Racing Hearts ou Flying Home
Voando Para Casa
Ano de lançamento: 2014
Elenco: Jamie Dornan e Charlotte De Bruyne
Classificação etária: Livre
Sinopse: Colin é um jovem americano workaholic. Um Sheik árabe pode vir a ser o seu maior e mais lucrativo cliente. O Sheik é um apreciado de pombos e faz um trato com Colin: se o jovem conseguir a ave campeã, que é de Jos Pawels, assinará o contrato. Colin vai até Pawels, um idoso tradicional, que não liga muito para dinheiro. O americano se apaixona pela neta de Jos Pauwels e uma questão vem a tona: o que é realmente importante na vida?




       Depois de séculos com Racing Hearts na minha lista da Netflix, em um momento de tédio extremo no último feriado, resolvi que finalmente assistiria para ver se Jamie Dornan realmente sabe o que está fazendo nessa vida. Sim, mas é claro que só quis assistir por causa dele já que a sinopse não chamou minha atenção!

Resultado de imagem para racing hearts

        Primeiramente esqueça o que você tem na sua mente sobre Jamie Dornan, a estrela de Cinquenta Tons de Cinza. Em Racing Hearts ele está totalmente irreconhecível. Talvez eu tenha achado isso pelo fato de nunca ter visto o cara fora do enredo de 50 Tons, mas em RC, ele interpreta o Colin, um CEO que é justamente o contrário do Christian Grey.

        Colin trabalha para uma empresa que precisa de uma parceria com um Sheike árabe em caso de vida ou morte. O cara era riquíssimo e o objetivo de Colin era encontrar esse homem aonde quer que fosse. Vida boa essa de pegar um avião com destino ao local onde o próximo investidor mora para convencê-lo e depois cair dinheiro na empresa né? Bem, não exatamente. O tal Shaike árabe é um cara meio estranho que tem uma paixão estranha por pássaros e sonha em participar de um torneio famoso de corrida de pombos. Mas tem um grande problema que ameaça seu sonho: o tal pombo ideal para ganhar a corrida estava na Bélgica e o Shaike estava disposto a aceitar o contrato com a empresa de Colin caso o mesmo conseguisse o pássaro pra ele. Moleza? Colin mais uma vez pega um avião, desta vez para Bélgica, para ter sucesso no seu trabalho e ganhar cada vez mais. Mas como ele faria o dono do tal pombo vender o seu querido animalzinho?

     Resultado de imagem para racing hearts


     Achei bem chato de início. É complicado entender o contexto das viagens de Colin antes do filme explicar a situação dos pombos. Por que pombos? Fiquei meio insegura, mas continuei assistindo o filme pelos cenários maravilhosos. Acho que só os cenários já valem pelo filme todo. As cenas pelos países diferentes são captadas de um jeito tão lindo que eu desejei ir para a Bélgica e ficar instalada em uma pequena casinha com esse pessoal incrivelmente simpático. Logo que Colin fez amizades na Bélgica, peguei apreço por cada um, principalmente pelo padre que o acolheu e a filha do homem que ele precisava convencer a lhe vender o pombo. Essa filha dele, claro, se apaixonou pelo Colin que ele contava ser (sem spoilers, sorry). Quem não se apaixonaria? Mas aí tudo complica para Colin, já que seu emprego é atualmente a coisa mais importante da sua vida e ele precisava do pombo. Já viu isso?

Resultado de imagem para racing hearts

      Apesar de toda a monotonia, o filme tem um ensinamento muito bonito. Racing Hearts não é um romance. É mais aqueles filmes que tem uma lição de vida que você vai levar em consideração quando for classificar a qualidade do filme, e eu achei tão lindo o final (pombos são fofos) que me emocionei e não tem como dar menos que 3 estrelas nesse filme. Eu realmente indico Racing Hearts. Não desista dele pelos pombos, nem muito menos pelo assunto central. Até mesmo o nome do filme tem um significado que você só vai descobrir quando assistir!

  1. Aii que tudo deu vontade de assistir...eu amo os trabalhos do Jamie!!!!

    Beijinhosss ;*
    Blog Resenhas da Pâm

    ResponderExcluir
  2. Ooi ainda não conhecia o filme, e só conheço o ator por conta dos 50 tons rs. Sobre o filme em si parece ser bom, vou ver se consigo assistir em um dia chuvoso!
    beijinhos boa semana
    bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aiiii, o filme combina com uma chuvinha caindo sim <3
      É bem nesse estilo haha

      Beijos <3

      Excluir
  3. Eita, achei o enredo dele meio confuso, mas só pela carinha do bonitão aí (não assisti 50 tons ainda) já tá valendo hahaha bom saber que tem que aguentar até o fim, tem filmes mesmo que a gente só dá valor quando assiste inteiro e reflete. Só não sei se faz beeeem o meu estilo x)

    Beijinhos :)
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas dá pra entender depois de um tempo sim hahah.
      Isso, a lição dele vale super a pena pelo tempo gasto vendo o filme! Espero que dê uma chance, Raquel <3

      Beijos!

      Excluir
  4. Que? KKKK
    achei tendencia esse enredo mds haha
    eu ate gosto do ator apesar de odiar 50 tons de cinza, não sei se ja assistiu aquele filme dele "A nona vida de Louis drax " que alias é S-E-N-S-A-S-I-O-N-A-L.
    tlvz de uma chance pro filme, quem sabe me surpreenda apesar dos pombos ahahaha
    beijosss
    eufemismoparamim.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bem tendência os pombos!! Opaaaaa quero assistir se é com esse homem viu? hahha. Obrigada pela indicação! E dá uma chance pros pombos, vai? hahaha

      Beijos!!

      Excluir
  5. aaaaamo o Jamie, esse filme tá na minha lista do netflix faz MUITO tempo, mas nada que me faça tomar coragem e ir ver logo kkkkkkk adorei a resenha

    ResponderExcluir
  6. Oieee! Não conhecia esse filme, mas apesar de parecer paradinho assistiria pelo Jamie Dornan e pleos cenários como vc comentou. De qualquer forma é sempre bom saber de novos filmes na Netflix!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante
    Sorteio A guerra que salvou a minha vida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena só pelo Jamie hahaha. Mas é um bom filme, Mi!
      Beijos <3

      Excluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!