10 março 2017

Agradeço imensamente pelas cobranças sobre crase - 12 cartas em 12 meses


"Saudações, D.E

Nem sei se é assim que começamos uma carta, mas minha mãe sempre me disse que não sabemos se é dia ou noite quando a pessoa for ler, por isso é preciso dizer "saudações". Não sei se assisti alguma aula sua sobre isto. Peço logo desculpas pelo meu português. Para mim ele está ótimo, mas sei que a senhora deve ter registrado mentalmente erros gravíssimos com vírgulas que eu sempre fazia questão de deixar nas suas provas e redações. Falando nisso, já xinguei muito minhas notas em Português, que passaram a ser baixíssimas desde que a senhora passou a ser minha professora no 1º ano do Ensino Médio. Lembro que pensei em desistir do meu sonho de ter um futuro nessa área da escrita a cada 5,5 que eu recebia. Como eu poderia tirar aquelas notas? Confesso que eu não estudava para as suas provas, mas para a minha salvação, digo com certeza D.E, que não havia o que estudar. Português é um treco meio difícil de sentar e estudar e eu nunca decorava as regras gramaticais de 3 folhas que a senhora entregava. Tenho recordações de uma infinita sobre Concordância Verbal. Mas depois de três anos posso dizer que tudo que passei significou muito e pesou na minha escolha atual na Universidade. Se não fosse por suas cobranças incensáveis, eu certamente não teria ficado louca tentando corrigir meus erros nas redações com medo de uma advertência no fim da folha. Se não fosse por sua paixão ao ministrar tão bem sua matéria, eu não teria me apaixonado tanto pelas palavras e pelo significado que uma combinação de letras pode ter. Se não fosse pela sua ajuda, eu também não teria conseguido vencer um concurso de Redação, um dos melhores momentos da minha vida. E se não fosse por sua confiança em mim a cada olhar, eu não estaria escrevendo esta carta diretamente do meu segundo dia de aula de uma Universidade pública em um curso que a senhora sabe que eu posso chamar de meu. Agradeço imensamente pelas cobranças sobre crase. Se não fosse por elas, eu também não teria prestado tanta atenção em cada coisa que leio e em cada "a" que eu escrevo. Agradeço por fim por nossa última conversa. Por seu olhar que transbordava orgulho e que dizia "vai e segue teu coração". Mesmo eu tendo rido quando a senhora disse que eu tivesse juízo, acredite, eu já estou com meu juízo no lugar, viu? E vou sempre lembrar de suas palavras, seus abraços, suas ameaças loucas em sala e de suas conversas sobre a vida. Eu espero do fundo do meu coração que um dia eu possa apontar para a senhora na rua e dizer aos meus filhos o seguinte: "Foi essa mulher que me ajudou a chegar onde cheguei, foi minha professora e acima de tudo amiga."

Obrigada ponto final"

7 comentários:

  1. Aiii que carta mais linda! Quando li esse desafio, sobre esse mês, a primeira coisa que pensei foi sobre agradecer algum professor meu do colégio. Como eles nos marcam, né? A gente só percebe o valor deles depois de realizar nossos objetivos, me identifiquei muito com a sua carta, mas no meu caso seria meu professor de física, ou alguma matéria assim. Professores são essenciais <3

    Beijos!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim!! Também pensei logo nisso, Raquel! Isso <3
      Amo tanto meus professores e morro de saudades haha.
      Beijão!!

      Excluir
  2. Que carta mais linda! É incrível como os professores que mais nos cobram são aqueles que nós mais lembramos e os que mais nos fazem evoluir, né? É tão legal quando lembro do quanto penei pra passar em uma matéria, e ao mesmo tempo vejo que se eu não tivesse tido dificuldades naquele momento, talvez as teria hoje, e graças àqueles professores, eu não tenho. Professores são tão, mas tão importantes!
    Um beijão,
    Gabs do likegabs.blogspot.com ❣

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim!!! Eles sabem o que estão fazendo mesmo, Gabs! O professor deveria ser muito muito valorizados <3
      Beijoss!

      Excluir
  3. Oeeee! ❣
    Amei a carta! Também tive professoras ótimas de português e hoje sou muito agradecida à elas. E sim, esse negócio de crase também me perseguiu muito hahaha na verdade, me persegue até hoje!
    Beijos!
    seessemundofossemeu.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Simmmm. Devemos tudo à elas, Thai <3
      Crase é um negócio que eu espero entender agora na faculdade hahaha
      Beijãooo

      Excluir
  4. Que linda carta! Eu também tive uma professora de português meio rígida, mas no fim ela não virou minha amiga nem anda, eu continuo não tendo boas lembranças dela pra falar a verdade Rs Amei o projeto e gostaria muito de participar, tem grupos específicos para isso ou não é necessário, eu posso começar desde já? Beijos

    Está rolando um sorteio no meu blog do livro "Animais Fantásticos e Onde Habitam", as regras estão bem simples então corre lá para ver. Eu adoraria receber sua visita <3 Um grande beijo Karol Vicente |Palavras Ambulantes

    ResponderExcluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!