4

Confesse
Colleen Hoover

5

A Arte da Guerra
Sun Tzu

1

O Apanhador no Campo de Centeio
J. D. Salinger

2

A Escrava Isaura
Bernardo Guimarães

3

Um Perfeito Cavalheiro
Julia Quinn

Rory Gilmore me inspirou a realizar sonhos

16 novembro 2016
Resultado de imagem para rory gilmore

           De início eu pensava que quando eu finalmente acabasse de ver todas as 7 temporadas de Gilmore Girls eu escreveria um post como se fosse uma resenha geral de tudo que achei da série. Acabou que assim que comecei a assistir o último episódio 50 minutos atrás eu soube que falar apenas do que eu gostei na série não iria adiantar. Não quando uma simples série me ajudou tanto. Parece idiota dizer isso de uma série já que elas são feitas pra te divertir e comer seu tempo livre. Gilmore Girls tomou muito do meu tempo livre, mas principalmente do meu tempo de provas, de sair com amigos, de tudo. E eu não me arrependo de cada segundo. O que eu aprendi com Rory Gilmore eu creio que vai ser pra vida toda. Sabe quando você demora pra fazer uma coisa e quando finalmente faz pensa em por que demorou tanto? Eu me perguntava isso todos os dias nos tempos que eu estava na 1ª temporada. A série me deixava leve, era divertida e bem pé no chão. Mas nesse momento eu posso dar a certeza de que quando as pessoas dizem que "quando for pra ser será" elas não estão se referindo apenas ao amor ou coisas do tipo. Se eu tivesse assistido Gilmore Girls 6 anos atrás como eu planejava ver no extinto Boomerang nada teria me atingido do modo que me atingiu hoje porque eu não precisava da lição que a série tinha que me dar. E 2016 foi o ano que eu mais precisava assistir essa série, sabe por quê? Acredito que todos passam por momentos difíceis na vida, mas um dos piores que eu venho passando é aquela interrogação que vem com o fim do Ensino Médio. Estou a um mês da formatura e eu só consigo pensar no depois. Eu nunca havia parado pra pensar no que eu iria fazer depois de passar mais de 10 anos da minha vida indo para a escola. O que eu quero ser afinal? Queria que fosse apenas essa pergunta rondando a minha cabeça e de vários outros terceiranistas pelo mundo, mas vai bem longe disso. Eu estou realmente preparada para colocar meus pés pra fora da minha zona de conforto e enfrentar o mundo de um jeito que eu nunca experimentei antes? Segundo Rory Gilmore, ninguém aos 17 anos em plena consciência está, mas ela foi uma das exceções que soube desde criança que queria ir para Harvard. Não importava o curso, Harvard era o lugar que ela se imaginava no futuro e toda a decoração do seu quarto era uma prova disso. Rory acaba seguindo seu coração e uma intuição que ela nem sabia que existia e vai para Yale mesmo tendo passado em Harvard. Já começa aí a grande lição. A menina passou a vida querendo e sonhando em ir para uma das universidades mais renomadas do mundo e de repente a aprovação em Yale a faz pensar se um nome realmente vai levá-la a algum lugar sem o esforço dela. E aí, claro, ela descobriu que não importa onde ela vá, o que ela faça ou em qual faculdade ela estudará e sim o desejo de seguir o seu sonho. Rory Gilmore sonhava em ser jornalista. Correspondente internacional pra ser mais exata. Logo nos primeiros episódios ela já mostra que é uma fã da Christiane Amanpour, atual editora chefe da correspondência internacional da CNN. E Rory passou seus 4 anos de faculdade tendo que lidar com problemas pessoais com amigos, namorado, família e claro: seu sonho. 

Resultado de imagem para rory gilmore

Se eu for contar quantas vezes Rory Gilmore desistiu ou pensou em desistir você ficaria impressionado (a) com a real capacidade de momentos influenciarem em decisões da sua vida. Eu já pensei em desistir e não foram poucas as vezes. Pensar em Jornalismo pra mim é como dar um tiro no escuro. É um curso concorrido (acredite se quiser) e com poucas oportunidades de trabalho e eu nunca pensei em Jornalismo desde sempre como Rory Gilmore. Eu na época sabia que se eu não tivesse que viver com a língua inglesa eu não estaria feliz. Me descobri logo cedo nessa área e me apaixonei loucamente. Minha paixão pela escrita começou logo depois e eu não conseguia ver algo que eu pudesse fazer que não estivesse se relacionando com isso. Eu desisti muito mais vezes que Rory sem nem ter terminado o Ensino Médio. Em 30 dias exatos estarei recebendo meu diploma e abrindo os meus braços para um futuro que eu não faço ideia de como vai ser. Tenho medo? Sim, mas depois de ter assistido Gilmore Girls eu sinto que tudo isso faz parte e sempre fará parte da vida de alguém nessa idade que tem que começar a decidir a vida. E foi aí que eu finalmente cheguei a conclusão de que eu não vou desistir do meu sonho. Não vou desistir por causa de comentários sobre a profissão. Não vou desistir por causa de provavelmente não ter passado na Universidade e principalmente: não vou desistir por tenho medo de tentar. Se tem uma coisa que vai comigo pro resto da vida é que ninguém consegue nada se achar que não consegue. 

O especial de Gilmore Girls "A Year In The Life"  de 4 episódios estreia dia 25 de Novembro na Netflix
  1. e quero muito assistir essa série, vou usar minhas férias pra colocar
    todas as temporadas em dia. adorei a resenha beijos

    Taynara Melo | Indicar Livros
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem?
    Nunca assisti essa série mas já vi vários comentários positivos. E depois da sua resenha maravilhosa fica difícil não querer assistir.
    Beijos!

    Excêntrica Garota

    ResponderExcluir
  3. Tecnicamente, estamos no mesmo barco! Desde quando eu era uma criança, sonhava em ser arqueóloga, mas recentemente acabei desistindo e já não tenho animo de fazer faculdade... Seja como for, vou "empurrar com a barriga"

    Garota do 330

    ResponderExcluir
  4. Nossa, amei o jeito de como falou da série, já está na minha lista pra assistir!
    Beijos

    www.evelynsouza.com

    ResponderExcluir
  5. Adoreiii o teu relato! A forma como relacionou a série com a vida foi linda ^_^ eu quero muitooo assistir GG, sério! Esse foi o chutinho que eu precisava pra começar ahahah
    E sobre o fim do escola e ter que escolher um curso, eu concordo que aos 17 anos é muito cedo pra decidir o rumo que tudo vai tomar. Acho que tem que pensar no agora e ver o que você quer fazer, e pensar que também não vai ficar presa nisso pra sempre. Tem gente que termina a faculdade e ainda não sabe se se formou no que queria mesmo x) te desejo boa sorte nas tuas escolhas :)
    Beijoss!
    http://tipsnconfessions.blogspot.com

    ResponderExcluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!