4

Confesse
Colleen Hoover

5

A Arte da Guerra
Sun Tzu

1

O Apanhador no Campo de Centeio
J. D. Salinger

2

A Escrava Isaura
Bernardo Guimarães

3

Um Perfeito Cavalheiro
Julia Quinn

O que Patch Adams de O Amor É Contagioso me ensinou

25 outubro 2016
Resultado de imagem para Patch Adams - O amor é contagioso

               Tenho que confessar que nem sabia que falaria desse filme hoje. Primeiramente porque eu nem sabia que iria assistir. Nem sabia da existência dele, porém confesso que eu já havia visto essa foto acima em algum blog. Patch Adams - O Amor É Contagioso, foi com certeza um filme que eu não vou esquecer jamais. Quando o professor de Geografia disse hoje que assistiríamos um filme, imaginei logo um daqueles de desastres naturais (que eu adoro assistir). Mas quando apareceu o nome O Amor É Contagioso, me animei. Seria um filme romântico? Os meninos reclamaram e ele disse que todos nós iríamos gostar muito do filme e que ele precisava mostrar nos mostrar antes do ENEM para acalmar os nervos. E acalmou a ponto de me fazer chorar sem vergonha na cara.



Resultado de imagem para o amor é contagiosoPatch Adams é um cara engraçado daqueles que fazem piada até com o vento só pra te fazer sorrir. Porém, ele sofreu depressão por um longo tempo e após tentar se suicidar, se interna em uma clínica psiquiátrica. Patch chegou lá sem saber o que fazer da vida, tinha pulado de emprego em emprego e achava que não tinha nada que o fizesse feliz de verdade. Ele não achava uma vocação. Com alguns dias na clínica, ele percebeu que podia sim ajudar os pacientes de lá. Seu colega de quarto tinha alucinações com animais querendo o atacar e Patch entrou nessa com ele para combater os animais. Foi aí que ele percebeu que ele tinha jeito pra coisa e ele queria ajudar as pessoas doentes. Mas ele queria fazer justamente o contrário de todos os médicos que ele já havia conhecido. Ele realmente queria ser movido pelo amor às pessoas, e não pelo prestígio e dinheiro. Patch já "velho" vai fazer faculdade de Medicina e lá é muito julgado por não meter a cara nos livros como todos os outros estudantes de Medicina. Ele dizia que o que era mais necessário era o amor e isso já conta tudo. Ele se esgueirava pelo hospital e fazia as crianças com câncer e doentes rirem e isso acabou fazendo com que elas melhorassem. Patch tem que agir contra todos que o julgam por achar que Medicina é se vestir de palhaço e fazer graça.


Ah mas eu chorei. Chorei nas partes tristes, nas bonitas, nas românticas, nas felizes e resumindo: o filme todo. Acho que não tinha como esse filme ter caído em hora melhor. Eu estava uma pilha de nervos e chorei também de alívio misturado com esperança. Eu confesso que estou morrendo de medo do ENEM que vem aí em duas semanas e aquela pressão de passar é enorme. Quero cursar Jornalismo e a única universidade pública por aqui que tem o curso é a UFPE. E é pra lá que eu vou. Antes desse filme eu sentei naquela cadeira de frente a Robin Williams pensando em fazer o ENEM, não passar na federal e ir cursar uma privada. Depois das letras finais do filme e dos choros, saí daquela sala pensando nada mais nada menos que: ano que vem UFPE me espere. Passei o ano inteiro dizendo que "quando" eu não passar eu faço cursinho se eu não fosse pra particular. Agora, digo que SE eu não passar eu faço cursinho pra TENTAR NOVAMENTE.


         
Logo no começo do filme vemos letras enormes dizendo que foi baseado em uma história real. Refleti depois que não foi só uma. Muita gente por aí se descobre depois de anos e ainda assim conseguem ser felizes em uma profissão. Patch persistiu mesmo quando ninguém estava o apoiando na faculdade e também não podemos desistir simplesmente porque não conseguimos passar em alguma faculdade ou por não se identificar com algum curso ou não ter gostado do que fez ou até pensar que não vale a pena. NUNCA é tarde pra ser quem você sonha ser. Eu não sabia disso até 12 horas atrás. Agora que eu sei, vejo que não adianta se desesperar. SE eu não passar esse ano, ano que vem estudo de verdade e nos seus limites e passo. Não é pra ver se vou conseguir passar. É pra passar. O que eu mais fiz esse ano inteiro foi pensar negativamente sobre faculdade e aprovações. Quando me perguntavam o que eu quero cursar, eu dizia logo um "Jornalismo, mas não vou passar". 99% das pessoas me perguntavam por que eu dizia que não ia passar se eu sou uma boa aluna e tiro notas boas em redação. Eu ria. Eu falava que só isso não vai me fazer passar. Isso é verdade, mas agora eu reconheço que o que vai me fazer passar não é os estudos nem muito menos a redação do ENEM. É eu simplesmente querer. Não querer por querer ou querer porque alguém quer. É querer de coração. É largar o medo de ser tachada pela sociedade de imprestável por não ter passado, levantar o rosto e pegar os livros. E é isso que eu vou fazer daqui para o dia 5 de Novembro.

É ilusão para alguns pensar que estudar em 2 semanas 238249285 conteúdos vai fazer alguém passar. Alguém na minha sala hoje fez uma pergunta à professora: "Tem como estudar todos os assuntos do ENEM em 2 semanas?". Tem. Ah se tem. E não do jeito de enlouquecer. Até porque quem é terceiranista já viu todos os assuntos que caem no ENEM. Não é como se fosse aprender do zero. É fazer questões e aquelas que não souber, PESQUISE Agora pesquise com força, pesquise sobre o assunto, pesquise outras questões comentadas, pesquise! Ainda dá tempo até porque o tempo nunca foi um problema pra quem quer algo. Patch Adams me ensinou isso hoje.


Resultado de imagem para patch adams tumblr


  1. Já assisti e também chorei bastante... É uma história bem marcante.
    Amei a inspiração!

    Um beijo.
    www.anneabreu.com.br

    ResponderExcluir
  2. Tentar novamente é sempre importante mesmo!! Esse filme é lindo demais, chorei horrores tb! E é um dos meus preferidos do autor!!

    Bjs, Mi


    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. oi tudo bem?

    já assisti esse filme, várias vezes e não me canso.
    e sempre choro rios de lágrimas. adorei a resenha.
    esse filme, sempre fica marcado, profundamente em nossas mentes
    beijos

    Taynara Mello | Indicar Livros
    www.indicarlivros.com

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca consegui assistir esse filme (sempre achei que choraria muito ) e agora tenho certeza , mas deve valer a pena =)
    Boa sorte no Enem , vai dar tudo certo =)
    Bjs
    Aquarela Pink

    ResponderExcluir
  5. Olá, Clara.
    Eu conheço o filme, mas nunca assisti. Acho que deve passar uma linda mensagem mesmo. Mas nunca devemos desistir não. Mesmo que parece difícil ou até mesmo impossível. Meu primo passou no vestibular de medicina depois de três tentativas e Hoje já está no 3 ano. Imagine se ele desiste.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Assisti esse filme na escola, lembro que chorei horrores! Mas tirei uma lição super importante, sobre o quanto um sorriso muda realmente a vida das pessoas!

    https://amebatom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

❤ Proibido usar palavras de baixo calão
❤ Não há moderação de comentários
❤ Deixe o link do seu blog para que eu também possa visitá-lo e segui-lo no Google Friends Connect!